segunda-feira, 26 de setembro de 2011

TITANIC:COMO TUDO COMECOU


                            Titanic, o nascer de uma lenda








É hora de saber um pouco sobre esse magnífico navio, seus construtores e planejadores. O Titanic nasceu em uma era em que homens, companhias e estaleiros disputavam o controle marítimo com seus navios de luxo. Todos conhecem a história do navio que colidiu com um iceberg e afundou na noite de 15 de abril de 1912, mas vamos voltar ao passado, quando o Titanic não passava de uma ideia.
Estamos em 1907, na casa de Downshire Belgravia-Londres, esse local é do Irlandês Willian Pierre, presidente da empresa de fabricação de navios Harland and Wolff. Naquela noite ele recebia outro presidente de uma importante linha de navio Bruce Ismay, presidente da White Star Line.
Na conversa Ismay planejava superar a companhia concorrente, a Cunard Line que tinha acabado de lançar o navio mais veloz do mundo, o mauretania.
Ismay não queria ficar para trás. Willian naquela noite com uma longa conversa com Ismay, planejava o que um dia seria o maior navio do mundo. Willian disse que se Ismay queria velocidade ele daria o que tanto desejava.
 -Ele seria maior do que o mauretania? - diz Ismay.
Willian responde com toda firmeza e confiança no seu trabalho:
-Será 10 vezes maior, o Maior navio que o mundo conhecerá!
-Então precisamos de dois navios? - Ismay pergunta.
-Serão precisos Três! - foi a palavra final de William com um desenho em seu caderno.
                                                   


                                                     Belfast 1907


O acordo foi fechado e o Titanic seria construído em Belfast que tinha os maiores estaleiros e os homens mais capazes de realizar essa missão.
Alguns desses homens entrariam para a história. 
14.000 trabalhadores construiriam o navio, mas apenas seis deles estariam no grupo de segurança e especialistas que estariam na 1° viagem para resolver problemas ou danos causados no navio. O trabalho requisitava mudanças nos estaleiros, então foi necessário reformar o estaleiro com novas rampas e pórticos. 
Pierre estava fazendo a sua historia, ele contratou o melhor fotógrafo da Irlanda, Robert Welsh registraria toda a construção do navio.
                                          
                                                 Belfast 1908


Um ano depois não havia nada por escrito, isto estaria nas mãos de Bruce Ismay. Thomas Andrews, o projetista do Titanic e sobrinho de Pierre estava no local quando os nomes seriam dados aos 2 navios que ainda estavam sem nomes. Observando uma maquete feita do navio, ele disse para os presentes no local: 
-São quatro chaminés? Achei que iriam ter três motores!
Willian disse para Ismay:
-Sabemos que quanto mais chaminés, mais pessoas terão vontade de viajar nele. 
Thomas diz ao fundo:
-A Cunard fez o Mauretania e Lusitânia com quatro!
A 4ª chaminé é uma questão que será resolvida agora por alguns fãs de Titanic que não sabiam pra que servia, a quarta era ornamental (sem utilização) mais a usavam para retirar o vapor da cozinha no filme "Titanic 1997" do diretor James Cameron, podemos observar uma quantidade absurda de fumaça saindo dela em algumas cenas mais não deixa de ser um grande filme.
Assim Bruce Ismay aprovou e o Titanic e o seu irmão Olympic finalmente ganhariam vida.
O contrato ia ser assinado por Ismay, mas quem deu nome ao navio que ainda estava sem nome, o 400, seria William.


          - Na quilha 400, o 1° da classe seria chamado de Olympic.




                           
-Na quilha 401,Titanic.

                                 
Olympic e Titanic, os dois navios já tinham nomes e ninguém saberia que eles ficariam tão famosos.

                                                     
Olympic o 1° nome a sair naquela sala, o nome veio da história grega dos deuses do olimpo, os grandes e poderosos. A ideia de Titanic veio dessa historia também, a historia conta que os deuses do olimpo eram rivais dos titãs então como irmão do Olympic, saiu Titanic. 
Cada companhia de navegação usava uma sigla no final dos navios para identifica-los em qualquer lugar.


Exemplo:


A White star usava IC


Olympic, Titanic, Britannic.


A Cunard usava IA


Mauretania, Lusitânia


Os irmãos já tinham sido aprovados, agora era necessário reformar o estaleiro 3 rampas foram adicionadas criando espaço para construir o Olympic e o Titanic. A estrutura nova tinha 70 metros de altura,256 de comprimento e 32 de largura feitos totalmente de aço e custou na época para a Harland and Wolff 275 mil dólares equivalentes hoje a mais de 11 milhões de dólares e demoraram 2 anos para serem construídos, contudo permitiria construir o Olympic e o Titanic lado a lado.

                                                Março de 1909


A quilha do Titanic demorou 3 meses para ser finalizada e já estava colocada, era uma espinha que suportaria seus 270 metros de comprimento.
As placas de aço tinham o tamanho de um homem e eram rebitadas manualmente ou pela máquina de rebitagem que depois de tanto tempo causaria problemas que serão esclarecidos em outra matéria.
O estaleiro tinha guindastes que levavam as placas de aço de um lado para o outro facilitando a vida dos trabalhadores. 
Os rebites do Titanic e do Olympic eram feitos de aço e a máquina de rebitagem fez quase toda parte do casco, exceto a parte da proa e foi feita manualmente. Nela eles usaram rebites de ferro forjado e não de aço que seriam muito mais fáceis de serem trabalhados manualmente, contudo o ferro forjado não é tão resistente quanto o aço e os construtores tinham ciência disso, então foi misturada uma substância chamada slag para tentar reforçar-lo, mas no ferro não podia ser usado muito slag senão o deixariam mais fraco. Esse erro foi uma das causas do naufrágio do Titanic.
Enquanto os rebites eram encaixados em uma enorme sala, as balizas do Titanic eram formadas e uma a uma eram colocadas as 300 balizas no Titanic.
                                                    Marco de 1910


Mas nem tudo foi maravilha no estaleiro, enquanto o Olympic e o Titanic ficavam prontos, conflitos por lá ocorriam.
Depois de um ano, o esqueleto do Titanic já estava ficando pronto e o Olympic não ficava atrás. Dez mil placas de aço seriam usadas na parte externa do Titanic, cada uma pesava três toneladas e eram fixadas no esqueleto com 3.000.000 de rebites que manteriam o Titanic inteiro.
O trabalho de fixação das madeiras era feito abaixo do casco.
Francis Carruthers, representante da câmara de comércio, foi encarregado juntamente com Carlisle e Thomas Andrews de conferir os padrões de segurança.
Thomas com toda confiança no projeto do navio, mencionava que o navio era tecnicamente seu bote salva vidas. Alexander Carlisle queria segurança total no navio e encomendou muitos botes a mais para os navios, Francis o corrigiu dizendo que a câmara de comércio só permitia 16 botes, ou seja, um erro enorme. A confiança era tanta nos navios daquela época que não eram necessários mais de 16 botes.
Carlisle estava totalmente correto sobre a segurança do navio e foi tirar satisfações com William Pierre.
-A lei diz claramente que 16 botes são o suficiente para navios acima de 10.000 toneladas. -essas foram as palavras de William para Carlisle.
-Mas o navio tem 5x esse tamanho, como vamos colocar mais de 300° pessoas dentro de 16 botes?! - questiona em voz alta para William.
-Os navios foram projetados por você para não afundarem! -William responde
É claro que Carlisle sabia que todo projeto poderia ser falível e não existem máquinas ou projetos no mundo que podem ser declarados inafundáveis ou inquebráveis.
Alexander Carlisle saiu com raiva da White Star e do projeto do Titanic, sendo seu último projeto naval.
O Titanic precisava agora de um novo projetista chefe e muitos sabiam que Thomas Andrews tinha capacidade para assumir o lugar de Alexander.
                                                
                       Maio de 1910


O casco do Olympic estava pronto, a velocidade dos trabalhadores para chegar ao olympic era total. Dezessete homens perderam a vida na construção dos dois navios e mais de 3.000 operários foram contratados.
As grandes caldeiras já estavam chegando ao total de 29 e alimentariam os motores do navio. Elas consumiam 700.000 toneladas de carvão por dia!

                                               
O vapor excedente seria encaminhado para um terceiro motor. 
As turbinas de baixa pressão aumentariam a velocidade do Titanic e esses motores se encaminhariam paras as gigantescas hélices, três ao total, dois de três pás e a central com 4 pás.
Quando terminados, os motores não eram suportados por nenhum guindaste do estaleiro e por isso Lorde Pierre mandou trazer um guindaste especial da Alemanha e com o custo de 50.000 dólares, contudo era forte o suficiente para levantar os motores.

                                                 
               Era o maior guindaste do mundo, com altura de 50 metros.


Durante a construção do guindaste alemão, os irlandeses os confrontavam. Os alemães entregaram o guindaste e estiou a bandeira britânica. Quatro anos depois eles estariam em guerra.

                                            31 de maio de 1911


Sete meses após o lançamento do Olympic, tinha chegado a vez do Titanic. As escoras de madeira foram retiradas e o navio desceu sobre o trilho que o levaria até as águas, um trabalho muito perigoso. Na plataforma de lançamento junto com William e Bruce Ismay, estava o capitão Edward J. Smith q comandaria o Titanic. Não haveria champagne ou cerimônia de batismo, o que não era procedimento da White Star. Em apenas 62 segundos o Titanic já estava no mar, mas era apenas um casco vazio.Chaminés, caldeiras, pisos, quadros e objetos de decorações faltavam para transformar o Titanic no navio mais luxuoso do mundo.
Então aconteceu um desastre, o Olympic havia colidido com um cruzador naval e uma enorme abertura de 3 metros fora feita em sua lateral. O desastre abalou Belfast onde o Titanic já estava quase pronto e a preocupação era que o imenso tamanho dos navios dificultasse as manobras.
A White Star sabia lidar com a imprensa e Thomas Andrews mencionou que se com o Mauretania  tivessem acontecido os desastres, teriam que correr e fechar todas as portas. A Harland and Wolf havia copiado de um concorrente alemão o sistema de portas estanques, que com um simples botão isolariam o navio completamente. Foi por causa dessas portas que o Olympic se manteve flutuando mesmo com dois compartimentos inundados,  fazendo todos pensarem que o Titanic era inafundável.
Com tudo isso o Titanic foi obrigado a ceder seu lugar na doca seca para o Olympic e então decidiram mudar a viagem inaugural para abril de 1912, uma fatalidade naquela época, pois era muito comum ver blocos de gelo no oceano Atlântico e um deles levou o Titanic ao fundo do mar matando 1.500 pessoas.
                                                  Janeiro de 1912


O Titanic estava em doca seca já em seus reparos finais e as grandes hélices foram colocadas. Faltavam poucas semanas para a viagem inaugural e todos pensavam no grupo de segurança. Foram feitas revistas completas nos trabalhadores e muitos pegavam peças, inclusive rebites. Os rebites que ajudaram a construir o Titanic também foram usados como munição.
Lorde Pierre estava sobre pressão da população, não haviam somente rebites sendo usados como munição, mas também estavam presentes em revólveres. Lorde Pierre fugiu da Irlanda humilhado e o navio que projetou nunca mais veria novamente.

                                       Marco de 1912


O Titanic estava pronto para deixar Belfast e enfrentar a última etapa, os testes no mar.
Depois de 5 anos, o Titanic estava completo e finalmente em alto mar já atingia uma velocidade impressionante! 
Houveram modificações no navio, foram feitas mais cabines de 1ª classe e áreas privativas. Isso tornou o Titanic quase 1000 toneladas mais pesado que seu irmão. Com 42.000 toneladas métricas o Titanic naquele momento era o maior navio do mundo! 
Eis que chega o dia em que no mar da Irlanda o Titanic teve que enfrentar seu teste crucial com a velocidade máxima de 40 k/m, quantos seriam suas paradas. O Titanic parava a cada 800 metros, sinal de que já estava pronto para transportar pessoas.
Estava chegando a hora de o Titanic deixar seu lugar de origem para sempre, passando assim para Southampton onde faria sua viagem a Nova Iorque. 
Todos embarcaram no navio cheios de esperanças, mas 12 dias depois o navio se chocou com um iceberg. Na noite de 15 de abril de 1912, o navio levava 2.200 pessoas sem botes o suficiente para todos a bordo. O rompimento do casco fez a água entrar em cinco compartimentos do navio, sendo que ele só suportaria flutuar com quatro inundados. Na colisão tudo se soltou, arrebentou e entortou no navio, que demorou cinco anos para ser terminado.
O navio afundou em 02h40min, levando 1.500 pessoas junto com ele. Algumas dessas pessoas ficaram famosas por suas histórias, confira alguns deles abaixo: 


Thomas Andrews: O projetista do Titanic ajudou muitos a entrarem nos botes, foi visto pela última vez na sala de fumantes da 1ª classe sozinho.



 Capitão Edward J.Smith: foi visto caminhando até a ponte de comando enquanto via o navio afundar. Seu corpo nunca foi encontrado.


                                     
Isador e Ida Strauss: A Sra. Strauss se recusou a entrar num bote e deixar o marido no navio, eles morreram juntos.

                                      
John Jacob Astor: o homem mais rico do navio foi encontrado com o corpo totalmente esmagado uma semana depois por um navio. Ele provavelmente estava entre as pessoas que foram esmagadas quando a popa caiu sobre elas.

                                
Benjamim Guggenheim: manteve sua dignidade até o fim.

                                   
A famosa banda do Titanic: tocou ate o a água entrar no convés dos botes onde eles se encontravam. Nenhum deles sobreviveu.

                                                
 Obs: todo o grupo de segurança do navio morreu na tragédia.
                
Bruce Ismay: conseguiu um lugar no bote salva-vidas deixando para trás 1.500 pessoas. Depois do naufrágio sua carreira acabou na White Star Line.

                                          
O Titanic no momento em que afundou, iniciou sua fama pelo mundo inteiro.

Em memória das 1.503 pessoas que morreram no desastre, dedico essa matéria feita com muito esforço e dedicação.






                            veja a historia completa no documentario Titanic a lenda.


                           
                                       
Vídeo promo feito pelo blog.


Veja também a continuação da historia do Titanic.


E

4 comentários:

  1. Retribuindo à visita no TITÂNICOS em ação, que bom que mais pessoas estão se interessando pela história fascinante do Titanic.

    Vocês começaram agora né ?

    Boa Sorte

    Muito boa essa postagem, rica em detalhes, vale a pena ler.

    www.titanicosemacao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. obrigado andre pela visita,é estamos comecando agora o blog ainda precisa de mais detalhes e modificacoes mais com o tempo vamos mudando isso.Boa sorte com seu blog tambem.

    ResponderExcluir
  3. Olá Galera do Titanic Histórias eu reparei que vocês esqueçeram de colocar o nome do terçeiro navio da classe Lusitania, o nome do Navio era Actânia, ele era conheçido como beautiful Ship (Lindo Navio) espero que tenham lido!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo,e sempre bom achar alguém que conheça a historia dos navios antigos assim como os navios da Cunard.Não colocamos esse navio pois ele não concorria com o Titanic e o Olympic na época pois foi só construído em 1913.mais e observação foi boa.

      Grato pela visita

      Excluir

Facebook

LEITORES CONECTADOS